Translate

quarta-feira, 29 de abril de 2009

Minha máxima culpa!!!















(OBS: Mantenho esta postagem por questão de conhecimento sobre os fatos, porém saliento que a data da inauguração teve que ser alterada para 10 de OUTUBRO de 2009, como diz a postagem anterior)





Aviso a todos admiradores do grande mestre da Payada, de que a escultura em sua homenagem será inaugurada na mesma data já há tempos anunciada. Não há como mudar pois muitas pessoas já agendaram essa data e alguns até mudaram suas férias para poderem presenciar esse momento importante; sem falar do 1º Encontro Missioneiro de Payadores organizado pelo CTG Galpão de Estância, daqui de São Luiz Gonzaga, especificamente para essa data...
Realmente isso é uma situação alheia a nossa vontade. 
Descobrir que o terreno onde pretendemos instalar o monumento nunca foi de propriedade da prefeitura de SLG nos pegou de surpresa...
Mas a culpa máxima é minha, pois encaminhei o pedido de construção do pedestal muito em cima do laço, foi em SETEMBRO de 2007 e protocolado em Março de 2008...Realmente não havia "tempo hábil" para descobrir de quem era o terreno.
Mas como diz aquela "sábia" máxima:
"Excluindo os pontos negativos sobram os pontos positivos!"
Referente a esse caso, o que mais me faz refletir não é a busca de culpados , pois sei que propositalmente ninguém o é, mas sim a pouca ação de quem pode e deve, mas nada faz!
Enquanto isso nós da Comissão Organizadora do Monumento solicitamos a doação do terreno aos herdeiros do mesmo(e para nossa alegria todos os que até agora visitamos, concordaram).
A programação segue em frente e muitos artistas Missioneiros estarão abrilhantando esse evento.
Logo postarei nomes de alguns artistas que participarão dessa festa.



"...Meio na volta do braço
Consegui tirar o talho
E quase que me atrapalho
Porque havia pouco espaço,
Mas senti o calor do aço
E o calor do aço arde,
Me levantei - sem alarde,
Por causa do desaforo
E soltei meu marca touro
Num medonho buenas-tarde!..."

sábado, 25 de abril de 2009

O triste fim do Otubrino-nota de falecimento



Com pesar comunico aos amigos do galo Outubrino, seu repentino falecimento ocorrido hoje, ao vivo, no programa radialistico: Missões-Rio Grande-Brasil de seu patrão Paulo Urach.
Figura muito popular na região , Outubrino não era um galo comum como os de sua espécie, era uma celebridade e como tal era tratado por todos. 

Artista nato, sem ninguém ensinar ou induzir, Outubrino participou, ativamente, durante mais de cinco anos do programa do Paulo e da Priscila Urach, sabia o tempo certo de entrar em cena e abrir a guela cantando.
Foi de repente durante a apresentação do programa, Outubrino estava pelo galpão(onde ocorre as gravações do programa)comendo seu milho matinal e caiu fulminado por um ataque cardíaco.
Não sei se explica, mas não podemos descartar a hipótese de depressão, pois há menos de quinze dias atrás sua esposa, a Decembrina(ver foto anexo)sumiu; provavelmente foi roubada, mas vai saber o que se passou pela cabeça do Outubrino quando soube disso...
-"Será que ela virou penosa na panela de algum gatuno? ou fugiu com algum outro galo mais novo do que eu??"
Daí, desses pensamentos para a depressão é um pulinho...
O velório ocorrerá hoje, pela parte da tarde, no galpão do Paulo Urach e o féretro será encaminhado a um local ainda não divulgado.
Hoje no programa do Julio Fontela, na também Rádio São Luiz, foi lido a nota de falecimento do Outubrino e o Fontela solicitou encarecidamente, que se por ventura, alguém tenha um frango no porte de começar a cantar, que por gentileza façam uma doação ao programa Missãos-Rio Grande-Brasil, na esperança de que esse frango quase galo, incorpore o espírito dinâmico do finado Outubrino e dê seguimento a esse programa tradicional de mais de 25 anos de existência.
Pêsames ao Paulinho e a Priscila.
São os votos dos amigos do Atelier de Artes Los Libres.

sexta-feira, 24 de abril de 2009

Um balde d'àgua nas costas





Certa feita,há algumas décadas atrás, após jogar bastante vôlei, suado e cansado, sentei... e recebi de surpresa, um balde de água de poço nas costas! Fiquei sem ar nem sei quantos minutos...
A gente fica surpreso quando recebe um "presente" desses de quem não se espera... 

São coisas da vida, que acontecem.
Respeitando as diferenças, foi mais ou menos assim que nos sentimos, nós da comissão Pró-Monumento Jayme Caetano Braun; ao recebermos a notícia de que o terreno onde será feito o pedestal não é propriedade da prefeitura. Isso foi um balde de água, de poço gelado nas costas de todo mundo.
Mas culpado sou eu, pois acho que "demorei" para encaminhar o pedido da construção do mesmo, fiz em SETEMBRO de 2007 e depois foi protocolado em março de 2008(ver foto anexo).
Da nossa parte, nunca pensamos em onerar nossa prefeitura, pois sabemos que ela tem muitas prioridades, tais como educação, saúde,segurança, etc. 

Por isso não existe nenhum centavo de governo algum nessa escultura, iniciamos uma campanha, onde somente os admiradores do Mestre estão participando e levando consigo um certificado para mostrarem a todos de que:"Eu ajudei na construção deste Monumento!"
Coube a prefeitura, voluntariamente, realizar a base do monumento, jamais impomos isso e a mesma concordou fazer o pedestal desde setembro de 2007.
Faço esses esclarecimentos a todos admiradores do grande Jayme Caetano Braun, que estão, de toda parte do Brasil, entrando em contato comigo e questionando essa situação.
Quanto a inauguração, ela continua na mesma data: 30 de Maio de 2009, não mudou e nem pode, pois muitas pessoas já se agendaram e até mudaram as férias para participarem dessa bela festa. 

A programação da inauguração está mantida, com todas suas diversas atrações e será aqui mesmo no terreno onde a estátua está sendo construida
Após isso iremos dar sequencia nas festividades no CTG Galpão de Estância, onde ocorrerá o 1º Encontro Missioneiro de Pajadores, almoço,jantar e baile.
Logo postarei a lista dos artistas que participarão da inauguração da estátua e depois os que participarão do encontro dos Pajadores.

sábado, 18 de abril de 2009

Futura praça Jayme Caetano Braun- capítulo III





















 








"Hoje fomos visitar obras da construção do pedestal para a estátua.No trevo de acesso a CESA..." Capítulo 03.
 

Nesta visita de hoje notamos mudanças:
1ª) As estacas que estavam amontoadas e que outrora estavam dispersas, não foram encontradas...(ver foto),
2ª) Vimos com alegria os guardiões da praça em plena atividade: mantendo o terreno limpo.(ver foto acima) e
3ª) O buraco está no mesmo lugar,o que pode ser comprovado pela foto, somente mais seco, devido a essa forte estiagem...

Compare com as fotos anteriores do buraco, para ver se não é verdade!

sexta-feira, 17 de abril de 2009

O Xamã da Timbaúva




















 
Heis a matéria tão esperada!
Sobre o multimídia Marco Antonio Moraes, vulgo Marquito Moraes, pintor, desenhista, escultor, apresentador de teatros de bonecos e nas horas de folga acompanha seus filhos músicos, no bumbo leguero. 

Dizem que quando em noite de lua cheia o Marquito toca seu leguero, na imensidão tranquila do Cerro da Boa Vista(local onde ele mora)até o silêncio se cala, como falava o mestre Jayme Caetano Braun...
Seus filhos mais velhos William e Yuri Moraes, produziram há alguns anos, um CD de músicas simplesmente fantástico, músicas com alma pura, com marcante estilo crioulo, flamenco e latino.
Conhecedor das ervas nativas e dos elementais da natureza, Marquito é um dos raros remanescentes da velha guarda hippie...

Percorreu estrada, acumulou experiências e hoje revive os passos de sua infância, na terra onde nasceu, ao lado de sua companheira e os três(menores) de seus cinco filhos.
A matéria da Zero-Hora de hoje(em anexo) foi elaborada pela sempre competente e criativa, reporter/jornalista: Drica Morais(na foto acima).
Há muitos mistérios que rondam a Timbaúva; a energia positiva que de lá emana, nos convida a reflexão...

sábado, 11 de abril de 2009

Futura praça Jayme Caetano Braun- capítulo II


























"Hoje fomos visitar obras da construção do pedestal para a estátua.
No trevo de acesso a CESA..."
 

Assim comecei a postagem de uma semana atrás...
Estas são as novas fotos, tiradas hoje pela manhã, que parecem as mesmas da semana passada.

Tal qual um déjà vu...
Mas justiça seja feita, o que tem de diferente em relação a semana passada, é um CD que não estava ali e as estacas que outrora estavam dispersas agora estão amontoadas.


Obs: Será que o CD é das músicas do Jayme??

AUSCHWITZ-BIRKENAU - Do limão uma limonada...















 

O Turismo nos Campos de Concentração!

O que para muitos poderia ser motivo de vergonha e justificativa para ser destruído e soterrado, é para os Poloneses crescente fonte de renda.
A cada ano cresce fantasticamente o número de visitantes nos campos de concentrações e extermínios existentes no sul da Polônia, campos esses surgidos na 2ª guerra mundial, para onde eram levados prisioneiros: judeus,intelectuais poloneses, soldados russos, ciganos e outras minorias não bem vistas pelos ideais equivocados nazistas.
As marcas da desgraça e do horror que impregnaram aqueles campos poderiam ter sido escondidas, mas não, foram propositadamente expostas, como um alerta ao mundo.

Uma chaga aberta, difícil de ser esquecida...
São considerados pela UNESCO, patrimônios da humanidade.
Lógico que o rico turismo na Polônia é muito mais que isso, mas os campos de concentração com seus quase um milhão e meio de turistas anuais estão transformando o amargo limão numa limonada.
Só para comparações, o número de turistas diário em Auschwitz é superior ao de nossa cidade(São Luiz Gonzaga) em um ano.
Que quero dizer com isso??
Que é pouca a nossa história??
Que não tivemos também nosso holocausto???
Não, não é isso que quero dizer...
Tivemos nossa minoria perseguida e massacrada! E nosso holocausto veio em forma de um tratado tétrico e obscuro, chamado Tratado de Madrid, onde inexplicavelmente (até os dias de hoje) duas das maiores potências da época: Portugal e Espanha, massacraram, chacinaram milhares e milhares de cristãos que aqui viviam em Paz, na chamada Utopia realizável. 

Fiz um poema sobre esse tema: "Muito mais que simples reduções!" http://viniciusribeiroescultor.blogspot.com.br/2007/10/blog-post_24.html

A diferença nossa para nossos irmãos poloneses é que eles sabem aproveitar a sua história repartindo-a com o resto do mundo e fazendo dela fonte de renda, coisa que nós recém estamos despertando(Felizmente, diga-se de passagem).

quinta-feira, 9 de abril de 2009

São Luiz Gonzaga e a Coluna Prestes - Uma pazada de terra por cima da história























                                                                                                                                                                                                             


A Coluna nasceu Missioneira!!

Cultura e história são produtos cobiçados no mundo, a cada ano aumenta assombrosamente o número de pessoas que procuram no turismo histórico e cultural uma forma de preencherem a sede de conhecimento. 

A cidade que tem algo relevante no tocante a esses assuntos tem um grande tesouro nas mãos...
Uma pá de terra não pode soterrar a história.
Um dos maiores estrategista militar da história, Luiz Carlos Prestes, começou sua brilhante epopeia aqui nesse solo missioneiro, após sair da guarnição de Santo Ângelo, onde servia, veio para cá juntamente com poucos soldados, para  São Luiz Gonzaga, uniram-se com os revoltosos daqui e com centenas de toda região; aqui permaneceram por dois meses, aguardando municiamento do Paraná(que não veio), a fim de iniciarem viagem a Foz de Iguaçu,ao encontro de outros companheiros. 

Durante aqueles meses, a cidade ficou isolada; apesar de certa normalidade e o respeito por parte dos revoltosos, o clima era tenso entre os civis, o comércio com outras cidades ficou impossibilitado e a rebelião adquiria produtos em troca de notas promissórias para serem pagas após a revolução. 
Nessa situação destacou-se a figura de Monsenhor Wolski e um grupo de senhoras, que em silêncio faziam suas orações e promessas... 
Pediam a Paz entre os irmãos, para que não existisse aqui o confronto com as tropas legalistas, que eram dez vezes maiores.
Nasce a luz do gênio estrategista que milagrosamente rompe o afamado e divulgado na imprensa nacional "Anel de ferro" das forças governamentais (tinha por meta massacrar os revoltosos aqui na região missioneira). 
Quando aqui chegaram as tropas federais, nada encontraram a não ser o monsenhor, juntamente com o grupo de senhoras recolhendo as primeiras pedras para a gruta de Nossa Senhora de Lourdes, fruto da fervorosa promessa...
Daqui de São Luiz Gonzaga é que realmente saiu a Coluna! 

Foi daqui que saíram os revoltosos em formato verdadeiro de coluna:  
com centro, vanguarda, flancos e retaguarda, nessa formação fantástica percorreram mais de 25 mil km a cavalo, combatendo e derrotando inúmeros generais, entraram para a história, e o mérito disso se deve a genialidade de seu comandante.

Nas fotos acima: 
Estatueta que fiz chamada "Reflexões em marcha" que se encontra na Galeria Histórica de São Luiz Gonzaga e homenageia esse feito gigantesco. 
Nela coloquei Prestes ornamentado com as suas maiores armas: mapas geográficos nos alforjes.
 



Aqui ao lado, há um texto em anexo, com o título: São Luiz e a Coluna Prestes, que fixei na estatueta em placa de aço, vale a pena ler!



 






Finalizando, estão fotos da gruta e da estátua em homenagem a Nossa Senhora de Lourdes, fruto da promessa...
É um local de orações, de pedidos e agradecimentos, onde muitas graças foram alcançadas; hoje há uma igreja de pedra em anexo a gruta, merece ser visitada!
É um local impregnado de energias positivas, acumuladas nesses mais de oitenta anos de fé.









sábado, 4 de abril de 2009

Futura praça Jayme Caetano Braun




















Hoje fomos visitar obras da construção do pedestal para a estátua.
No trevo de acesso a CESA.
Como ponto positivo, achei muito bom que foi retirado dalí um casebre velho, que servia, se não me engano, de depósito de alguém...

Foi feito uma nivelação do terreno e iniciado o local onde serão realizadas as micro-estacas e acrescentado um poste com caixa de luz.
Torço para que tudo ocorra bem, de que esteja tudo pronto e perfeitamente curado para o dia da inauguração, 30 de Maio de 2009.
Há muita gente dizendo que não ficará pronto nem pro dia, nem pro ano...Da minha parte não posso e nem devo pensar assim e acredito que mesmo a prefeitura concordado em fazer a base desde setembro de 2007, não faltará empenho para realizá-la.
Chegou a vez de mostrarmos o que de bom nossa cidade tem!

A construção dessa estátua, juntamente com a futura praça, será um marco positivo para nosso riquíssimo e pouco explorado turismo histórico e cultural.
Nunca canso de repetir, que:

" Uma cidade que homenageia seus vultos culturais, tem o diferencial da sabedoria."

sexta-feira, 3 de abril de 2009

Nova turma da escola São Luiz
















Nova turma "torturada" pelas minhas explicações sobre a importância do turismo.
Excursões como essa, onde os alunos saem a campo para aperfeiçoarem seus conhecimentos, são possíveis quando o professor tem a profissão como vocação, é o caso da profª Gislaine Folleto Moura

Obrigado a todos, pela visita.

Convite a todos!!!





 







Agende compromisso conosco!
Venha para São Luiz Gonzaga em 10 de outubro de 2009!
Inauguração do monumento em homenagem a Jayme Caetano Braun, será uma linda festa.
Convite lindamente feito pela Nova Design, do meu amigo e tocaio Vinícius Chollet.Nele está a data de 30 de maio, mas devido a forças alheias a nossa vontade tivemos que mudar a data para outubro.